Netflix estreou ótimo documentário de True Crime

O documentário Amante, Stalker e Mortal traz ao público uma história real de crime e obsessão, e quem escolher clicar no play encontrará uma jornada intensa e cheia de reviravoltas.

Confira a seguir todos os detalhes desse lançamento fresquinho do streaming.

O enredo de “Amante, Stalker e Mortal”

Amante, stalker e mortal documentário netflix

A trama nos leva até Omaha, Nebraska, onde conhecemos Dave Kroupa, um mecânico com uma vida aparentemente comum e um perfil ativo em plataformas de namoro online. O início do documentário pode parecer um tanto familiar para aqueles que já assistiram casos de encontros virtuais que deram errado, mas conforme a narrativa se desenrola, o espectador é levado muito além das histórias amorosas cotidianas.

Cari Farver, uma mãe solteira que Kroupa conhece nesse universo virtual, se torna uma conexão casual, porém, após uma mensagem, tudo muda. Após meras duas semanas de relacionamento ela propõe que eles morem juntos, e ao ouvir a recusa de Kroupa, sua reação é longe de ser a de uma amante rejeitada.

Alguns dias depois, Cari é dada como desaparecida, mas uma enxurrada de mensagens ameaçadoras começam a derrubar a vida de Dave e pessoas ao seu redor. Assim, um pesadelo de quatro anos de assédio implacável se inicia, resultando em consequências inimagináveis.

O problema é: nem tudo é realmente como parece nessa história.

O que esperar desse documentário na Netflix?

Documentários de True Crime se tornaram muito populares, e a maioria deles parece seguir uma espécie de cartilha do suspense. Com Amante, Stalker e Mortal, no entanto, o público realmente tem uma surpresa enorme ao perceber que essa história está longe de ser como boa parte daquelas sobre perseguição ou romances online que deram errado.

A história se torna ainda mais marcante pela abordagem do diretor Sam Hobkinson, que opta por conduzir o documentário a partir do ponto de vista das vítimas, deixando um pouco de lado o foco no criminoso, como uma grande parte dessas produções fazem.

A condução da história, entrelaçada com entrevistas e reconstruções dos eventos, pretende levar o público a uma reflexão sobre a vulnerabilidade a qual estamos expostos frequentemente.

Com uma hora e meia de duração, esse documentário tem tudo para se tornar um enorme sucesso na Netflix.

CONFIRA Também: A Longa Espera por “Kingsman 3”: Matthew Vaughn Revela Motivos do Atraso

Aline ResendeFormada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura. Trabalha na área de comunicação como Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para materiais em vídeo. Pseudo-cinéfila e apaixonada por todo universo Geek.
Instagram
Fechar