Golpista do Amor’ é uma história real? A verdade por trás da série

A arte normalmente imita a vida, e essa máxima nunca foi tão verdadeira quanto no caso da minissérie “Golpista do Amor“. Transmitida originalmente no canal francês M6 e com lançamento na Globo no dia 12 de janeiro, a produção narra os feitos nada heroicos de um golpista que usa o amor e a sedução como armas para roubar mulheres.

Sobre “Golpista do Amor”

Em “Golpista do Amor“, o público é apresentado a uma trama envolvente e multifacetada, onde um charmoso enganador se passa por diferentes pessoas – de piloto de avião a cirurgião – apenas para aproximar-se de mulheres e depois ludibriá-las.

Ele não poupa esforços para encarnar o parceiro perfeito, o que o torna conhecido entre as vítimas como o “homem de suas vidas” (tradução direta do original em francês), antes de desaparecer e deixar nada além de corações partidos e contas bancárias vazias.

E, justamente quando as esperanças parecem perdidas, algumas das vítimas, como Camille, Mathilde, Oriane e Iris, unem forças em uma caçada corajosa para capturar o criminoso, apesar do dano irreparável que ele já causou em suas vidas, desde laços familiares destroçados até a ruína financeira total.

A série, além de tecer uma narrativa cheia de suspense e reviravoltas, possui um roteiro que foi reconhecido e premiado em La Rochelle, sob a competência de Marie Guilmineau, Alice van Den Broek e Eliane Vigneron. O texto é fruto de uma composição ficcional que, no entanto, bebe da fonte de casos reais de decepções amorosas e golpes financeiros. O sucesso da série assenta-se no drama humano imensurável que repercute em tantas vidas reais, mantendo, porém, uma atmosfera mais amena se comparada à gravidade real dos eventos que a inspiraram.

Os fatos reais que inspiraram “Golpista do Amor”

Embora “Golpista do Amor” possa parecer roteiro de pura ficção, a minissérie na verdade tem como base casos reais de homens que dedicaram suas vidas a enganar e se aproveitar de mulheres.

Um desses casos é o de Derek Alldred, um conhecido vigarista dos Estados Unidos que chegou a fingir diversas profissões – inclusive a de médico e de piloto – para conquistar a confiança e o dinheiro de mulheres.

Golpista do Amor' é uma história real A verdade por trás da série

Derek até mesmo fingia estar ajudando financeiramente as mulheres para ter acesso às suas finanças. Para isso, seu foco maior eram mulheres em momentos difíceis de sua vida, como aquelas que estivessem passando por um divórcio.

Assim como na série, Alldred enfrentou a justiça após suas vítimas se organizarem e lutarem para que fosse capturado, uma narrativa de poder feminino e resiliência que encontra espelhos na série.

Atualmente por volta dos 50 anos, ele está preso em uma prisão federal do Oregon, onde cumpre uma pena de 24 anos após enganar 25 mulheres ao longo da vida. Sua prisão aconteceu em Tarrant, Texas, em 2017. Ele também teve que pagar US$ 254.892,41 em compensação às vítimas, aproximadamente R$ 1,2 milhões.

Vale mencionar também que a inspiração para “O Homem de Nossas Vidas” não parou em Alldred; figuras como Christophe Rocancourt, Jacques Masset e Simon Livev, o “Golpista do Tinder“, também serviram de inspiração.

Alexandre Garcia PeresEditor do Sobre Sagas e Analista de SEO da WebGo/Content. Raramente ri com filmes e prefere muito mais um dramão. Sempre conta os dias pelos próximos filmes do Tarantino, da Pixar e do Studio Ghibli e frequentemente reassiste os mesmos filmes na dúvida do que assistir. Pela formação em Letras, tem pavor de adaptações ruins de livros e sente um leve prazer ao assistir filmes muito ruins, especialmente os que passam na TV aberta. No tempo livre, gosta de tocar violão/guitarra, jogar videogame e brincar com um dos seus 12 gatos.
FacebookLinkedin
Fechar