Terror nas Profundezas (2023), final explicado: Naomi consegue sobreviver?

Na emocionante jornada de “Terror nas Profundezas” (2023), a protagonista Naomi, interpretada por Mãdãlina Ghenea, encerra sua jornada subaquática e psicológica ao superar inimigos humanos e animais. O filme, dirigido por Marcus Adams, oferece um final tenso que testa não só a coragem e engenhosidade de Naomi, mas também conclui seu arco de superação de traumas do passado.

Final explicado de “Terror nas Profundezas”

Na trama, Naomi, uma mergulhadora experiente assombrada por uma tragédia marítima da infância, decide ajudar Maria e Tomas, náufragos encontrados à deriva. Ao entrar em um ambiente hostil e desconhecendo as verdadeiras intenções dos irmãos, ela embarca em uma missão de resgate para salvar o irmão de Maria, Jose, preso nos destroços submersos.

No entanto, o resgate vira de cabeça para baixo quando Tomas é morto por um tubarão predador. A revelação de que os irmãos são traficantes de drogas e a obrigação imposta a Naomi de recuperar narcóticos submersos adicionam uma camada de perigo à situação, indo além do que o título do filme sugere.

Terror nas Profundezas (2023), final explicado Naomi consegue sobreviver

Ao enviar secretamente um pedido de socorro para seu parceiro, Jackson, Naomi acaba resultando em sua captura pelos criminosos. A tensão aumenta quando Maria mostra seu conhecimento em navegação, dispensando a ajuda de Naomi, e Jose a agride, deixando-a à mercê do mar implacável.

No confronto final entre Naomi e o oceano, visões do seu falecido pai a incentivam a lutar pela sobrevivência. Ela consegue emergir das águas e seu namorado, libertando-se dos captores, a resgata de uma situação quase fatal. Em um momento cheio de adrenalina, Maria, tomada pela fúria da sua derrota, tenta se vingar de Naomi. No entanto, Jackson usa habilmente uma pistola sinalizadora para acabar com ela, relegando-a a um destino fatal nas águas traiçoeiras.

Ao fornecer uma resolução para os conflitos internos e externos de Naomi, “Terror nas Profundezas” solidifica seu aspecto emocional ao retratar a superação da protagonista não apenas na sobrevivência, mas também no enfrentamento do seu passado doloroso e na consolidação do seu relacionamento com Jackson.

Alexandre Garcia PeresEditor do Sobre Sagas e Analista de SEO da WebGo/Content. Raramente ri com filmes e prefere muito mais um dramão. Sempre conta os dias pelos próximos filmes do Tarantino, da Pixar e do Studio Ghibli e frequentemente reassiste os mesmos filmes na dúvida do que assistir. Pela formação em Letras, tem pavor de adaptações ruins de livros e sente um leve prazer ao assistir filmes muito ruins, especialmente os que passam na TV aberta. No tempo livre, gosta de tocar violão/guitarra, jogar videogame e brincar com um dos seus 12 gatos.
Fechar