Rua do Medo | Histórias da franquia que poderiam virar spin-offs

Gostou da nova trilogia de terror da Netflix? Então confira seis assuntos abordados em "A Rua do Medo" que poderiam se tornar spin-offs.

Publicidade

Publicidade

A trilogia “Rua do Medo” lançada pela Netflix esse ano fez com que o interesse por filmes de terror, que já vinha caindo nos últimos tempos, fosse reavivado, e apesar de a história ter tido um fim bem amarrado, muitas outras tramas poderiam servir como base para o lançamento de spin-offs da franquia.

O fato de os três filmes terem sido um sucesso, com certeza abre precedentes para que a Netflix não abra mão assim tão facilmente desse potencial novo universo do gênero terror. A empresa já apostou em spin-offs por audiências menores, sendo assim, os entusiastas da “Rua do Medo” podem nutrir esperanças.

Publicidade

Veja a seguir algumas histórias já introduzidas na linha do tempo dos três filmes que poderiam ser mais exploradas em novas produções com o selo “Rua do Medo“.

Publicidade

O caso de Humpty Dumpty

Humpty-Dumpty rua do medo spin off
Imagem: Reprodução/Netflix

Começando por uma história em que o assassino foi apenas citado nos filmes. Pelo o que vimos na história até aqui, Humpty Dumpty foi um assassino ativo em 1935 que matava pessoas e cortava partes de seus corpos.

Publicidade

Publicidade

Até agora, esse é um spin-off com maiores chances de acontecer, visto que a diretora da trilogia, Leigh Janiak revelou que inicialmente o personagem estava no roteiro original dos filmes. Apesar de a história ter sido cortada no material final, a cineasta revelou que tem planos para uma sequência que traga Humpty Dumpty no centro da história.

O  Vigarista

Imagem: Reprodução/Netflix

The Grifter ou O Vigarista foi outro dos muitos assassinos que aterrorizou Shadyside, dessa vez no início do século XX. Em “Rua do Medo: 1994” vemos a cena do criminoso com uma máscara afogando alguém no lago. Em recortes de jornal, ficamos sabendo que esse era o seu jeito usual de matar suas vítimas.

Além dessas informações, não sabemos mais sobre o personagem, fazendo dele mais um dos candidatos para expandir o universo da trilogia.

O intervalo entre 1666 e o Fazendeiro da Morte

Imagem: Reprodução/Netflix

No mural de Josh existe a menção ao Fazendeiro da Morte, mais um dos possuídos pela maldição, que cometeu assassinatos em 1890. A incógnita que fica aqui é o que aconteceu de 1666 até a aparição do Fazendeiro?

Quais foram os outros assassinos desse período? Houveram realmente outros assassinos ou a maldição permaneceu adormecida durante todo esse tempo? E se sim, por que ela retornou a ativa?

Publicidade

Publicidade

Só com essas questões dá para fazer mais um filme de pelo menos uma hora e meia, não é?

Harry Rooker – O Leiteiro

o leiteiro rua do medo spin-off
Imagem: Reprodução/ Netflix

Vai dizer que você também não ficou curioso para saber mais sobre O Leiteiro, assassino do canivete que matava donas de casa e que quase matou Ziggy duas vezes?

Pois bem, poderia ser muito interessante entender mais sobre o passado do personagem, antes mesmo de seus primeiros assassinatos nos anos 50.

Billy Barker

spin-off rua do medo billy
Imagem: Reprodução/ Netflix

Um dos casos de assassinatos mais agoniantes da trilogia sem dúvida é o do garoto Billy Barker, uma criança desfigurada que matou seus irmãos enquanto eles dormiam.

A breve cena da criança com a máscara e o taco é assustadora, e nos faz querer saber mais sobre sua história, seu passado e provável preconceito com o qual tinha que viver por conta de sua condição. E mais ainda, como a maldição podia ser tão horrível a ponto de se apossar de uma criança.

O Livro da Bruxa

Publicidade

Publicidade

No final do último filme vimos que alguém roubou o livro que Solomon usou para fazer o pacto em 1666, isso provavelmente quer dizer que a cidade não ficará livre de tragédias por muito tempo.

O intrigante aqui, foi saber que o ritual já existia antes do século 17 já que estava no livro roubado por Goode. Isso poderia querer dizer que uma maldição parecida já havia acometido outra cidade? Qual e quando? E afinal, quem roubou o livro?

Apesar de não ser um ponto de vista explorado ainda, essas são outras questões que poderiam expandir o universo de terror para antes ainda da posse da família Goode.

CONFIRA Também:

Netflix | Confira todos os lançamentos de agosto de 2021

Publicidade

Publicidade

E aí, quais outras histórias você gostaria de ver aprofundadas em spin-offs de “A Rua do Medo” da Netflix?

Fonte: Screen Rant

Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura. Trabalha na área de comunicação como Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para materiais em vídeo. Pseudo-cinéfila e apaixonada por todo universo Geek.

Deixe seu comentário