“O Preço do Silêncio” faz importante abordagem do bullying em dorama que dosa drama e humor

O bullying é um tema bastante debatido nos países asiáticos, especialmente na Coreia do Sul que faz a abordagem do assunto em diversas produções de TV. O Preço do Silêncio é mais um dos doramas que foca em uma protagonista que precisa vencer o tratamento violento que recebe na escola.

Lançado na Netflix no último dia 29 de dezembro, a série estreou os 10 episódios da primeira temporada na plataforma, e vem sendo bastante comentada nas redes sociais pela forma “diferente” com que decidiu construir a temática do bullying em seu enredo.

Confira todos os detalhes da série, a seguir.

Sobre “O Preço do Silêncio”

O preço do silêncio dorama netflix

Nessa série, Kim Hye-in é uma adolescente humilde, mas muito esforçada, que acaba ganhando uma bolsa de estudos em uma escola de elite da Coreia do Sul.

Seu sonho de ter uma experiência incrível no lugar, no entanto, é abalado quando ela passa a ser alvo de Baek Je-na, a valentona cruel da nova escola, que para piorar, tem muito influência sobre diversos alunos.

Assim, em pouco tempo Hye-in aprende que precisará vencer desafios muito maiores do que as aulas mais puxadas, porém, descobrindo que o bullying não precisa definir a sua vida.

Elenco da série

O Preço do Silêncio conta com um elenco bem conhecido do público dorameiro.

Na pele da protagonista está a atriz Lee-Eun-saem, conhecida por séries como All of Us are Dead The Red Sleeve. Já a vilã da história, é vivida pela cantora de k-pop e atriz, Yeri de Aniversário Infeliz.

Além das duas, outros nomes no elenco são Yoo Jung-hoo, Han Da-sol, Lee Jong-hyeok, entre outros.

Uma série sobre bullying que humaniza todas as partes

Pessoas quebradas são resultado de situações e ambientes ruins, e esse é um ponto que O Preço do Silêncio aborda de forma bem interessante.

Apesar do tom cômico de algumas cenas, e do exagero em outras, o programa faz questão de apresentar os momentos de bullying e suas personagens de forma bastante humana.

Além disso, a série decide não colocar Kim Hae-in apenas como um vítima indefesa, decidindo dar à protagonista consciência de que a situação ruim pela qual passa na escola, não precisa dominar quem ela é.

Em resumo, é um programa bastante interessantes, muito bacana para o público teen, mas que também pode ser apreciado pelos mais velhos.

CONFIRA Também: Beleza Verdadeira da Netflix acabou e você não sabe o que assistir? Listamos 5 ótimos Doramas para 2024

Aline ResendeFormada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura. Trabalha na área de comunicação como Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para materiais em vídeo. Pseudo-cinéfila e apaixonada por todo universo Geek.
Instagram
Fechar