O Homem de Aço | Melhores adaptações antes da versão de Zack Snyder

Hoje fazem 8 anos desde o lançamento de "O Homem de Aço", versão mais sombria e humanizada do Superman. Relembre outras adaptações do herói.

Publicidade

Publicidade

Hoje fazem 8 anos desde o lançamento de “O Homem de Aço” no Brasil, versão do Superman criada pelo diretor Zack Snyder que deu início a expansão do Universo DC Comics no cinema.

Em seu ano de lançamento (2013), o filme gerou certa polêmica pela versão do diretor ser bastante semelhante a de outro super-herói da DC, o Batman de Christopher Nolan. No caso, Snyder também decidiu apostar em uma adaptação mais realística e sombria do super-herói de capa vermelha, o que acabou dividindo a opinião de fãs e críticos.

Publicidade

As reações negativas não foram o bastante para frear o projeto da DC que, apesar de não ter dado aval para o lançamento de um “Homem de Aço 2”, manteve a versão do super-herói nos filmes subsequentes com a participação dos futuros integrantes da Liga da Justiça.

Publicidade

Apesar de o Superman de Zack Snyder ter representado um marco na história do super-herói mais popular do mundo, outras grandes adaptações dos quadrinhos já haviam conquistado gerações anteriores tanto na TV quanto no Cinema. Conheça as melhores versões do herói bem antes de Henry Cavill  assumir o manto do filho de Krypton.

Superman (1978)

O icônico Superman de Christopher Reeve. (Imagem: Divulgação)
Publicidade

Publicidade

Começamos pelo filme que marcou a geração do cinema de heróis quase no início dos anos 80 e com (provavelmente) o intérprete mais icônico do Superman até hoje, Christopher Reeve.

O primeiro filme de uma sequência de quatro, fez com que os fãs do Homem de Aço dos quadrinhos (e a crítica especializada) se derretessem de amor pelo Clark Kent construído por Reeve. Além do ator ter uma semelhança física impressionante com o personagem, ele conseguiu encarnar o espírito do herói como nenhum outro até aquele momento.

Em “Superman” vemos desde o início a história da criança do planeta Krypton que após ser enviada à Terra acaba sendo adotado por um casal de fazendeiros que moldam seu carácter inabalável. Após descobrir a origem de seus poderes, Clark decide ir para a cidade grande (Metrópolis) onde passa a combater o mal sob o manto do Superman ao mesmo tempo que se disfarça como um jornalista atrapalhado.

Superman II – A Aventura Continua (1980)

General Zod e os outros vilões de “Superman 2 – A Aventura Continua”. (Imagem: Reprodução)

Ainda com Christopher Reeve no papel do Homem de Aço, a continuação do filme de 1978 é considerada por muitos como a melhor adaptação dos quadrinhos do super-herói já feita para o cinema. Quem se lembra do enredo do filme aniversariante do dia (“O Homem de Aço”) vai encontrar algumas semelhanças na história desse clássico de 1980.

Em “Superman 2: A Aventura Continua” o temido General Zod foge da Zona Fantasma onde foi preso por Jor-El antes da queda de Krypton . Acompanhado dos também criminosos Nun Ursa, os três decidem invadir o planeta Terra em busca de vingança contra o filho de seu inimigo, o Superman.

Publicidade

Publicidade

Com a visão que temos hoje do cinema, ao assistir esse filme pode ser que muitos o achem até um pouco bobo. Porém, para quem acompanha as histórias do herói nas HQs, o filme é um prato cheio de referências e de atuações irretocáveis por parte de todo o elenco.

Smallville (2001 a 2011)

O homem de aço de tom welling
Tom Welling encarnou a versão jovem do super-herói. (Imagem: Divulgação)

Indo para a TV, citamos a série que marcou a nova era de super-heróis na TV. “Smallville – As Aventuras do Superboy” teve nada mais, nada menos do que 10 temporadas e registrou uma média de 4,3 milhões de espectadores a cada episódio semanal lançado, apenas nos Estados Unidos.

Smallville” foi uma história de Superman marcante porque, ao contrário das outras produções que já haviam sido produzidas até aquele momento, a série focou na transformação do jovem Clark Kent no super-herói da capa vermelha e não apenas em um Superman já estabelecido como o maior herói da Terra.

Tom Welling foi o responsável por dar vida a essa versão do Homem de Aço e para quem estava com saudade do ator na pele de Clark Kent, o ator recentemente (2019) reprisou sua atuação no crossover do ArrowverseCrise nas infinitas Terras”.

Superman: O Retorno (2006)

Brandon Routh como Superman (Imagem: Divulgação)

O filme de 2006 “Superman: O Retorno” como o nome sugere, marcou o retorno do super-herói ao cinema e apesar de ter sido considerado um fracasso de bilheteria, foi um sucesso de crítica tanto dos fãs quanto dos críticos.

Publicidade

Publicidade

Aqui, Brandon Routh dá vida ao Homem de Aço que após 5 anos longe da Terra retorna e descobre que Lois Lane seguiu com a vida após a sua partida e que seu arqui-inimigo Lex Luthor saiu da cadeia e tem um plano para dominar o planeta.

O filme é uma clara homenagem as produções protagonizadas por Christopher Reeves e quem tiver curiosidade pode encontrá-lo na Netflix.

Lois e Clark: As Novas Aventuras do Superman (1993-1997)

lois e clak homem de aço
Lois e Clark. (Imagem: Divulgação)

Nos anos 90 a TV viu a estreia de “Lois e Clarck: As Novas Aventuras do Superman” que contou com 4 temporadas e reviveu um lado mais divertido da relação entre o super-herói e o amor de sua vida.

Nessa série, Clark se muda para Metrópolis e mantém seu disfarce como um jornalista do Planeta Diário. Lá é iniciado o seu romance com a jornalista Lois Lane de quem o herói precisa esconder o seu alter-ego, o Superman.

Apesar de ter sido cancelada sem um final concreto, a série fez muito sucesso e trouxe uma versão mais leve do herói que à época foi interpretado pelo ator Dean Cain.

Publicidade

Publicidade

CONFIRA Também:

BATMAN VS SUPERMAN: A ORIGEM DA JUSTIÇA | Zack Snyder revela que está remasterizando o filme em IMAX

Você já conhecia essas versões do Superman? Além do “Homem de Aço” de 2013, qual a sua adaptação preferida do super-herói?

Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura. Trabalha na área de comunicação como Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para materiais em vídeo. Pseudo-cinéfila e apaixonada por todo universo Geek.

Deixe seu comentário