FURIOSA | Warner confirma prelúdio de “Mad Max: Estrada da Fúria” para 2023; Anya Taylor-Joy é a protagonista

Warner Bros. confirmou a data de lançamento de "Furiosa", "A Cor Púrpura" e "Coyote vs. Acme", filmes programados para estrear em 2023.

Após um ano difícil para o mundo do cinema e também para a WarnerMedia, parece que os estúdios estão alinhando seus cronogramas de estreias futuras. Ontem (23) o grupo oficializou a data de estreia de três grandes produções que ainda estão em estados bastantes iniciais de desenvolvimento.

A primeira delas é uma adaptação musical de “A Cor Púrpura“, baseada no clássico norte-americano da autora Alice Walker. A história original retrata diversos temas polêmicos com uma visão bastante crítica, dentre eles o racismo, machismo, patriarcado as carências educacionais que as mulheres enfrentam. O longa chegará aos cinemas da América do Norte no dia 20 de Dezembro de 2023.

Outro filme bastante aguardado e também já anunciado é o live action Coyote vs. Acme“, que vai explorar as dificuldades enfrentadas pelo vilão e rival de Papa-léguas, clássico infantil da Warner. O filme será produzido no modelo híbrido, tal como a adaptação de “Tom & Jerry”, que os estúdios anunciaram para o próximo ano. A data de estreia do mesmo ficou agendada para 21 de Julho de 2023.

Anya Taylor como Furiosa
Anya Taylor-Joy, a protagonista de “O Gambito da Rainha”, vai interpretar Furiosa em novo filme.

O terceiro filme anunciado é o mais aguardado entre todos: “Furiosa”, o prelúdio de “Mad Max: Estrada da Fúria” (2015), foi programado para chegar aos cinemas no dia 23 de Junho de 2023. O longa será protagonizado por Anya Taylor-Joy, atriz que ganhou grande destaque após sua atuação em O Gambito da Rainha, série limitada e original da Netflix. Na produção Anya irá dividir a tela com Chris Hemsworth (Thor) e Yahya Abdul-Mateen II (Watchmen).

O filme será centrado na personagem Furiosa, interpretada por Charlize Theron no premiado filme de 2015. O diretor George Miller aceitou retornar para escrever e dirigir o prelúdio. Originalmente, a ideia de Miller era trazer Charlize de volta ao papel principal e utilizar as tecnologias de rejuvenescimento para retratar a personagem, mas durante este ano mudou de ideia e optou por chamar alguém novo para o papel.

CONFIRA Também:
HBO MAX | Streaming divulga teaser de futuras produções e confirma House of the Dragon pra 2022!

Arquiteto e Urbanista aficionado por Cenografia e Cinema. Administrador do Sobre Sagas desde 2013 e apaixonado por adaptações cinematográficas, especialmente de fantasia.
FacebookInstagramLinkedin

Deixe seu comentário