Breaking Bad | Todas as versões alternativas do final da série

Hoje fazem 8 anos desde o final de "Breaking Bad". Veja quais as ideias que acabaram sendo descartadas para o desfechos dos personagens.

Publicidade

Publicidade

E já se passaram oito anos desde o icônico final de Breaking Bad e ainda hoje a série rende assunto, aclamações e para quem acompanhou desde o início, a certeza de que essa não é só mais uma produção para riscar da lista.

Ainda hoje, o final de Breaking Bad é considerado por muitos como um dos melhores desfechos de séries de todos os tempos, já que a maior parte dos personagens recebeu uma conclusão que condisse perfeitamente com sua jornada durante as cinco temporadas do show.

Publicidade

Apesar disso, o que muita gente pode não saber é que nem tudo que acabou indo ao ar na última temporada foi planejado desde o início. Muita coisa foi mudada e o destino de personalidades importantes dentro do programa poderia ter sido completamente diferente, não fossem mudanças de ideia dos produtores e dos próprios atores da série.

Publicidade

Veja a seguir tudo o que acabou sendo mudado no final de “Breaking Bad” e imagine como isso poderia ter mudado completamente o nosso sentimento em relação a série.

Um final sem fugas para Saul

saul goodman final breaking bad
Publicidade

Publicidade

Como você deve se lembrar, Saul Goodman, o inescrupuloso advogado de Walter e Jesse, acabou fugindo para Nebraska após comprar uma nova identidade.

O esperto tomou a decisão depois de perceber que o DEA estava cada vez mais próximo de descobrir os associados do procurado Heisenberg, e também de que o criminoso estava se virando aos poucos contra seus antigos aliados.

Dessa forma, ficamos sabendo que Saul assumiu a identidae de Gene Takavic, e apesar de não ter sido dado mais detalhes sobre sua vida posterior no final de “Breaking Bad”, a série “Better Call Saul” revelou que o advogado agora vive como um simples gerente de fast-food, fazendo de tudo para não chamar a atenção.

Acontece que nada do que realmente aconteceu com Saul no desfecho da série estava nos planos inicialmente. O criador da série, Vince Gilligan falou que pensou em matar o personagem no final da série, no caso, depois de sua fuga para Nebraska.

Ele acabou mudando de ideia quando percebeu que a verdadeira personalidade de Goodman era semelhante a das baratas, ou seja, poderia haver uma guerra nuclear que ele daria um jeito de sobreviver e se safar. Ainda bem!

Um final trágico para Skyler

Publicidade

Publicidade

Você vai perceber que praticamente todos os personagens deveriam ter tido um final extremamente trágico nas ideias iniciais dos produtores.

Skyler por exemplo não seria deixada com várias informações importantes que poderiam livrá-la da cadeia por ter agido como cumplice do marido nas temporadas finais. Cogitou-se que a esposa de Walter cometesse suicídio no final da série, como uma forma de mostrar o quão realmente destrutivas foram as ações de Heisenberg para sua família.

Por sorte, o criador da série acabou julgando que essa seria uma cena desnecessária, e preferiu deixar o desfecho de Skyler e seus filhos em aberto no final da série.

Apesar disso, temos uma referência ao que poderia ter acontecido com a personagem no início da última temporada quando a matriarca da família White tenta se afogar na piscina de casa.

Confira Também:

Finais alternativos para Jesse

jesse fuga final breaking bad
Publicidade

Publicidade

A cena de Jesse fugindo para sua liberdade, tanto do tráfico quanto de Walt, no El Camino antes dos créditos finais da série se tornou uma das mais icônicas de todos os tempos.

Os vários sentimentos se misturando no semblante do personagem e o visível alívio por ter deixado toda aquela vida para trás, foi tudo o que os fãs desejavam, porém, não esperavam que acontece com o personagem.

Acontece que à princípio, o roteiro sugeria que após fugir dos nazistas, o personagem manteria um semblante “determinado e que aparentasse não ter medo de nada” enquanto o personagem fugia para a escuridão. Por sorte, o ator Aaron Paul deixou fluir todas as emoções naquele momento e nos presenteou com uma interpretação muito mais sentimental para um momento tão trivial quanto uma fuga para a liberdade.

Para além disso,  os produtores também cogitaram a hipótese de Jesse matar Walt depois de ser libertado por ele. Isso também foi mudado e no lugar foi preferido que o personagem estrangulasse Tood no final.

Walter seria o único sobrevivente

Gilligan revelou que cogitou matar todos os personagens principais no final de “Breaking Bad”, com uma espécie de banho de sangue. Nesse cenário, apenas Walter sobreviveria após ver toda a sua família morrer, assim como seus aliados.

Publicidade

Publicidade

Apesar desse final também poder ter sido realmente muito bom e condizente com o clima do programa, no final, optou-se pela morte exclusiva de Heisemberg como consequência de todos os seus erros.

CONFIRA Também:

Game of Thrones | George R. R. Martin se arrepende de ter deixado série ultrapassar livros

E então, curtiu essas versões alternativas que não foram ao ar no final de Breaking Bad”? Conta para a gente qual desses você acha que realmente teriam sido uma boa ideia, aqui nos comentários ou nas redes sociais do Sobre Sagas.

Formada em Marketing e pós graduanda do curso de Língua Portuguesa e Literatura. Trabalha na área de comunicação como Criadora de Conteúdo além de fazer trabalhos de atuação e locução para materiais em vídeo. Pseudo-cinéfila e apaixonada por todo universo Geek.

Deixe seu comentário