7 filmes premiados com o Oscar disponíveis na Netflix

Ainda no clima do Oscar 2021, confira a nossa seleção de 7 filmes premiados com o Oscar disponíveis na Netflix!

Publicidade

Publicidade

Na noite do último domingo (25), ocorreu a 93ª edição do Academy Awards, premiação em que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Los Angeles premia as melhores realizações fílmicas do último ano. Para celebrar o clima do evento, nós, do Sobre Sagas, preparamos esta lista com 7 filmes já premiados com o Oscar disponíveis na Netflix!

Nessa edição de 2021, havia muita expectativa de que os serviços de streaming ganhassem destaque. Afinal, 2020 foi um ano marcado pela pandemia de Covid-19. E a indústria cinematográfica foi drasticamente afetada, com cinemas fechados e produções sofrendo atrasos.

Publicidade

Embora as produções originais da Netflix ( Mank e Os Sete de Chicago) tenham perdido na categoria de Melhor Filme, a plataforma de streaming levou vários Oscar para casa esse ano. Como de melhor fotografia e design de produção (Mank), maquiagem/cabelo e figurino (A Voz Suprema do Blues), melhor curta-metragem (Dois Estranhos), melhor curta de animação (Se Algo Acontecer… Te Amo) e melhor documentário (Professor Polvo).

Publicidade

Filmes premiados com o Oscar disponíveis na Netflix

Todos os filmes mencionados acima, que venceram um Oscar na noite de ontem, estão obviamente disponíveis na Netflix. Afinal, todos são produções originais da plataforma, com exceção de Dois Estranhos, que a Netflix apenas comprou os direitos de distribuições (mas ele também está disponível lá).

Publicidade

Publicidade

Como já mencionamos os ganhadores de ontem, não faria sentido apenas repeti-los na lista. Portanto, nossa lista trará 7 outros títulos que já venceram um Oscar e que estão atualmente disponíveis na Netflix no Brasil. Confira a seguir!

1 – História de um Casamento

Original da Netflix, História de um Casamento (2019) fala do divórcio entre Chalie Barber (Adam Driver), um diretor de cinema em ascensão, e Nicole Barber (Scarlet Johansson), uma atriz que largou a carreira para cuidar do casamento e do filho.

Chalie Barber (Adam Driver) e Nicole Barber (Scarlet Johansson) em História de um Casamento
Chalie Barber (Adam Driver) e Nicole Barber (Scarlet Johansson) em História de um Casamento (Imagem: Reprodução/Netflix)

O filme aborda o difícil e doloroso processo de separação, que ambos precisam enfrentar juntos, com bastante sensibilidade. Com 6 indicações ao Oscar 2020, História de um Casamento ganhou a estatueta na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante pelo papel de Laura Dern como a advogada especializada em divórcios, Nora Fanshaw,

2 – A Teoria de Tudo

Já o filme britânico A Teoria de Tudo (2014), produzido pela Working Title Films e distribuído pela Universal Pictures, conta a história do físico teórico Stephen Hawking inspirada em fatos reais descritos no livro Travelling to Infinity: My Life with Stephen, de Jane Hawking, ex-esposa de Stephen interpretada no filme por Felicity Jones.

Além de retratar a história de amor entre os dois, o filme também mostra o início do desenvolvimento da doença esclerose lateral amiotrófica em Stephen Hawking, que fez com que, ao longo dos anos, o físico teórico perdesse gradativamente o movimento de todos os músculos do corpo.

Eddie Redmayne como Stephen Hawking em A Teoria de Tudo
Eddie Redmayne como Stephen Hawking em A Teoria de Tudo (Imagem: Reprodução/Universal Studios)
Publicidade

Publicidade

Por conta da brilhante atuação como Stephen Hawking, o ator e modelo britânico Eddie Redmayne ganhou o Oscar de Melhor Ator na premiação de 2015. Atualmente, A Teoria de Tudo está disponível na Netflix.

3 – Roma

Outro filme disponível na Netflix que já venceu uma estatueta do Oscar é Roma (2018), filme mexicano escrito e dirigido por Alfonso Cuarón e produzido pela Participant Media e pela Esperanto Filmoj, com distribuição da própria Netlix.

O filme Roma, ambientado no começo da década de 1970, gira em torno da empregada doméstica Cleo (Yalitza Aparicio), a partir da qual o drama faz um retrato bastante realista da vida familiar mexicana.

Yalitza Aparicio como Cleo em Roma
Yalitza Aparicio como Cleo em Roma (Imagem: Reprodução/Netflix)

Indicado a dez categorias do Oscar, Roma venceu em três: melhor diretor, melhor filme estrangeiro e melhor fotografia. Pela distribuição ter sido da Netflix, o filme se encontra no catálogo do serviço de streaming.

4 – A Garota Dinamarquesa

O filme A Garota Dinamarquesa (2015) é ao mesmo tempo drama e biografia, apesar de vários detalhes ficcionais. Dirigido por Tom Hooper, o filme é baseado no romance de David Ebershoff, inspirado nas vidas de Lili Elbe e Gerda Wegener, duas pintoras dinamarquesas.

Publicidade

Publicidade

O destaque maior, entretanto, é à própria Lili Elbe, conhecida como uma das primeiras pessoas transgêneros do mundo a passar pelo processo e pela cirurgia de redesignação sexual.

Alicia Vikander e Eddie Redmayne como Gerda Wegener e Lili Elbe em A Garota Dinamarquesa
Alicia Vikander e Eddie Redmayne como Gerda Wegener e Lili Elbe em A Garota Dinamarquesa (Imagem: Reprodução/Focus Features)

Quem fez o papel de Lili Elbe no filme foi o já mencionado Eddie Redmayne. Porém, quem recebeu um Oscar na edição de 2016 da premiação foi Alicia Vikander, que ganhou na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante pelo seu papel no filme como Gerda Wegener.

5 – A Viagem de Chihiro

A animação A Viagem de Chihiro (2001)também ganhou um Oscar — e também está atualmente disponível na Netflix.

Criado e dirigido pelo lendário cineasta japonês Hayao Miyazaki, o longa gira em torno de Chihiro, uma jovem que se muda para uma nova cidade com seus pais. No trajeto entre uma cidade e outra, eles param num misterioso edifício. Lá, algo acaba acontecendo com seus pais e Chihiro se vê obrigada a trabalhar numa casa de banhos termais destinada a deuses e seres mitológicos japoneses para garantir que seus pais “voltem ao normal”.

Cena de A Viagem de Chihiro
Cena de A Viagem de Chihiro (Imagem: Reprodução/Studio Ghibli)

A Viagem de Chihiro ganhou em 2003 o Oscar de melhor animação, sendo a primeira animação em língua não-inglesa a ganhá-lo até hoje. Entretanto, Miyazaki não compareceu aos Estados Unidos para receber o prêmio, em protesto à invasão americana ao Iraque no mesmo ano. Em 2014, Miyazaki também recebeu um Oscar Honorário por suas contribuições ao cinema.

6 – Django Livre

Publicidade

Publicidade

Falando em “cineastas lendários”, um dos filmes do cineasta americano Quentin Tarantino que venceu um Oscar e que está disponível no catálogo da Netflix, é Django Livre (2012).

O filme gira em torno de um escravo liberto, chamado Django Freeman (Jamie Foxx), que viaja pelos Estados Unidos da América com um caçador de recompensas bastante experiente (Christoph Waltz) a fim de resgatar sua esposa, Brunhilde Von Shaft (Kerry Washington), das mãos do fazendeiro escravista Monsieur Calvin J. Candie (Leonardo DiCaprio).

Jamie Foxx como Django em Django Livre
Jamie Foxx como Django em Django Livre (Imagem: Reprodução/Columbia Pictures)

Na 83ª edição do Oscar, Django Livre ganhou dois Oscar: de Melhor Ator Coadjuvante (para Christoph Waltz no papel de Dr. King Schultz) e de Melhor Roteiro Original.

7 – A Lista de Schindler

Por fim, finalizando a lista de filmes premiados com o Oscar disponíveis na Netflix, não podemos deixar de fora A lista de Schindler (1993), do também lendário cineasta Steven Spielberg.

Inspirado no romance Schindler’s Ark e em fatos reais, o filme gira em torno de Oskar Schindler (Liam Neeson), um empresário alemão que salvou mais de mil judeus durante o Holocausto nazista na Polônia durante a Segunda Guerra Mundial. Nem todos sabem, mas Schindler realmente existiu e salvou centenas e centenas de judeus empregando-os em sua fábrica.

Publicidade

Publicidade

Tudo inspirado em fatos reais, o filme mostra, além do salvamento dos judeus por parte de Schindler, a formação do Gueto da Cracóvia e do Campo de Concentração de Plaszów, a supervisão cruel do Tenente da SS Amon Göth, a instauração da “Solução Final” e a libertação dos prisioneiros pelo Exército Vermelho.

Cena clássica de A Lista de Schindler
Cena clássica de A Lista de Schindler (Imagem: Reprodução/Universal Pictures)

Indicado a 12 categorias no Oscar de 1994, A Lista de Schindler saiu com 7 estatuetas, nas seguintes categorias: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Trilha Sonora Original, Melhor Montagem, Melhor Fotografia e Melhor Direção de Arte.

Você já assistiu a algum desses filmes? De qual gostou mais? Sentiu falta de algum título na lista? Pois conta para a gente aí nos comentários! Além disso, fique sempre ligado aqui no Sobre Sagas para receber matérias como essa!

Fonte: Netflix

Redator e revisor da WebGo Content, graduado em Letras – Português/Inglês pela PUCPR. Tem experiência com redação e revisão de textos para Web. Gosta de poesia, literatura, cinema, televisão e gatos.

3 comentários

  • Assisti a todos e o melhor continua sendo A lista de Schindler.

  • Que bom que estão resgatando filmes mais antigos…como eu gostaria de ver O VENTO LEVOU. Nunca assisti à esse filme! Não tive oportunidade. Caso vcs coloquem na lista, eu agradeço, mas me avisem, por favor. Obrigada, Maria José

  • Assistimos muito a Netflix. Sentimos falta dos grandes clássicos do cinema: Suplício de uma Saudade, Por quem os sinos dobram, Casa Blanca, A Noite dos Generais…

Deixe seu comentário